Categoria: Psicologia e Saúde

Como Cuidar da Autoestima: a Importância do Querer-se Bem!

Em tempo de exposição da imagem nas redes sociais, muito se fala sobre a autoestima, mas nem sempre ela é exercitada de forma saudável fora do mundo virtual. E você, sabe como cuidar da autoestima de forma saudável?

Como Cuidar da Autoestima

Como Cuidar da Autoestima
Bem se queira!

O que é autoestima?

Autoestima é querer-se bem, cuidar de si com intensidade suficiente para mudar o que te angustia e se alimentar emocionalmente com o que promove leveza no caminhar, mesmo em tempos de tempestades. É acreditar que todo dia é dia de redescobrir partes de você, sem o peso de superar as expectativas imposta por outras pessoas.

Como a autoestima interfere no dia a dia?

Como Cuidar da Autoestima

A autoestima influencia de forma direta como o indivíduo se coloca no mundo e como encara os desafios encontrados ao longo da vida. Quando há uma autoestima preservada a vida é vivenciada com mais leveza, favorecendo relações produtivas e saudáveis em vários setores, como por exemplo, na vida amorosa, no desempenho acadêmico e no âmbito profissional.

Vale ressaltar que, a autoestima é muito mais do que se sentir realizada (o) e satisfeita (o) apenas com a aparência e com os aspectos corporais. É se olhar além da imagem refletida no espelho, é ser capaz de reconhecer as próprias potencialidades, aquilo que o indivíduo faz de melhor e principalmente reconhecer quais características precisam ser aperfeiçoadas, ou seja, é um amar-se a partir de um movimento realizado de dentro para fora.

(mais…)

Compartilhar

Suicídio na adolescência: tristeza e solidão não tem idade!


Suicídio na Adolescência
Precisamos falar sobre suicídio na adolescência!

Suicídio na adolescência

Após a repercussão do “Jogo Baleia Azul” originado na Rússia, que ocasionou vítimas fatais ao redor do mundo e com a visibilidade da série “13 Reasons Why”, o tema vem tendo maior visibilidade mundial.

Infelizmente o suicídio é um tema tabu em toda a sociedade, essa cultura do silêncio precisa ser emergencialmente quebrada! O ato ainda é relacionado com um olhar de incompreensão e julgamento, e isso se intensifica quando o suicídio é cometido por crianças ou adolescentes, como se essa demanda também não pudessem ser invadidos por tristeza, solidão ou por transtornos psíquicos.

É na adolescência que os sentimentos são vivenciados com grande intensidade, e a busca da própria identidade favorece o surgimento de sentimentos como insegurança e inferioridade. Culturalmente o adolescente é reconhecido por sua “aborrescência”, e no lugar de dar voz e espaço para o compartilhamento dessas emoções, os adultos de forma inconsciente não dão credibilidade ao sofrimento presente nessa fase da vida, dificultando ainda mais um espaço potencial para falar sobre tais questionamentos.

(mais…)

Compartilhar

Psicoterapia e o Cuidado com o Sono!

Você tem Cuidado com o Sono?

Nada mais revigorante do que uma boa noite de sono, não é mesmo? Mas, o que fazer quando até os carneirinhos já foram dormir e você ainda permanece acordada (o)? Leia o texto na integra e veja algumas dicas para que você volte a ter uma boa noite e mantenha o cuidado com o sono!

Devemos ter cuidado com o sono, em algumas situações da vida é comum ficarmos sem sono por sentirmos preocupadas (os) ou ansiosas (os), como por exemplo, antes de uma entrevista, antes de uma viagem ou por fazer um “vale a pena ver de novo” relembrando aquele encontro que você teve ao longo do dia.

É bem provável que depois de vivenciar essas situações supracitadas a qualidade de sono no dia seguinte será de muita qualidade e com facilidade, afinal a falta de sono tinha um nome e sobrenome: suas preocupações rs. Só é considerado um transtorno, ou seja, uma patologia, quando temos todos os aspectos favoráveis para uma boa noite de sono, e mesmo assim, não conseguimos relaxar o suficiente para conseguir dormir.

(mais…)

Compartilhar

Onde mora a sua paz?

Reflexão do Dia: Onde mora a sua paz?

Paz
Onde mora a sua paz?

Em corações magoados não prospera a paz. É preciso muita maturidade emocional para re-significar vivencias dolorosas. A paz não vem do esquecer, ela vem de lembrar e não sentir dor. Somente através da psicoterapia e que conseguimos nos fortalecer ao ponto de não ser mais afetado por aquilo que um dia provocou a dor.

(mais…)

Compartilhar

Prevenção do comportamento suicida: A vivência de uma dor emocional intolerável!

Prevenção ao Suicídio
Precisamos conversar sobre isso!

Ao abordar o tema da morte por si só abrange muita complexidade, se deparar com uma condição em que o ser humano busca interrupção radical para livrar-se de um estado de intensa dor psíquica.

Independente do ponto de vista pelo qual é analisado o comportamento suicida, sempre há uma dimensão central relacionada ao sofrimento. Nessa mesma direção é possível pensar no sofrimento que direciona a pessoa ao ato suicida, no sofrimento do enfrentar uma perda através do comportamento suicida de um membro da família, assim como os efeitos sociais que tal ato promoveu.

Estima-se, ainda, pontuar o fato de que cada indivíduo que tenta realmente se suicidar “abandona atrás de si muitas outras – amigos e familiares – que consequentemente a vida será profundamente prejudicada desde o ponto de vista social, emocional e econômico”.

(mais…)

Compartilhar